Como Desenvolver Site Profissional Em Minutos Passo-a-P

27 Nov 2018 09:06
Tags

Back to list of posts

social-network-connectivity_23-2147526489.jpg

<h1>Mulheres T&ecirc;m Superior Facilidade Em Comentar Em P&uacute;blico?</h1>

<p>Antes de se transformar na moradia dos seus sonhos, o im&oacute;vel - mesmo que seja novo - vai ter de passar por uma reforma. Para ter o repercuss&atilde;o mais pr&oacute;ximo poss&iacute;vel do imaginado, um ciclo cr&iacute;tica &eacute; a da contrata&ccedil;&atilde;o da m&atilde;o de obra. No final das contas, nem sequer os melhores objetos resistem a profissionais mal qualificados.</p>

<p>Como fazer pra escolher o pessoal certo e n&atilde;o ter aquelas dores de cabe&ccedil;a t&iacute;picas de obras, como atrasos, sumi&ccedil;os de trabalhadores, estouro de or&ccedil;amento, sem pronunciar-se em servi&ccedil;os mal feitos. Dessa forma, da contrata&ccedil;&atilde;o do arquiteto &agrave; do pedreiro, &eacute; preciso muito cuidado. De acordo com os entrevistados pela reportagem do UOL, a melhor forma de achar bons profissionais pra uma reforma &eacute; no “boca a boca”, de maneira informal. “As refer&ecirc;ncias de m&atilde;o de obra s&atilde;o adquiridas informalmente mesmo.</p>

<p>Procure comentar com os vizinhos e populares sobre isso os servi&ccedil;os anteriores prestados e pe&ccedil;a os contatos”, reitera Haruo Ishikawa, vice-presidente de rela&ccedil;&otilde;es capital-trabalho do Sinduscon-SP (Sindicato da Ind&uacute;stria da Constru&ccedil;&atilde;o Civil do Estado de S&atilde;o Paulo). &Eacute; razo&aacute;vel que se pergunte para amigos e novas pessoas do mesmo pr&eacute;dio que tenham atingido reformas sobre a recomenda&ccedil;&atilde;o de profissionais.</p>

<p>Assim como &eacute; poss&iacute;vel encontrar profissionais de constru&ccedil;&atilde;o civil pela internet e em guias (como as p&aacute;ginas amarelas). A carteira de trabalho destes profissionais indicar&aacute; sua profiss&atilde;o, entretanto o melhor &eacute; obter refer&ecirc;ncias dos profissionais com empresas ou pessoas para as quais j&aacute; tenham prestado servi&ccedil;o. Realmente compensa tamb&eacute;m visitar uma obra que o profissional tenha executado, e examinar se a o trabalho foi feito com capricho.</p>
<ul>
<li>UOL Esporte v&ecirc; Tv</li>
<li>Como fazer teu texto, imagens e design geral funcionar para dispositivos m&oacute;veis</li>
<li>Quanto tempo terei dispon&iacute;vel</li>
<li>3 colheres de sopa de quinoa em flocos</li>
</ul>

<p>&Eacute; respeit&aacute;vel que o comprador seja amig&aacute;vel e simp&aacute;tico com o pessoal da m&atilde;o de obra, o que torna o local melhor no decorrer da efetiva&ccedil;&atilde;o da reforma. Converse a respeito do trabalho e comente o que espera do repercuss&atilde;o t&eacute;rmino. Lide com os funcion&aacute;rios sempre por interven&ccedil;&atilde;o de um l&iacute;der e com educa&ccedil;&atilde;o.</p>

<p>Quem oferece bronca &agrave; toa termina sem autoridade. “Sempre trate o profissional com respeito e educa&ccedil;&atilde;o. Fiscalizar os servi&ccedil;os e comandar com educa&ccedil;&atilde;o n&atilde;o importuna o profissional”, diz o engenheiro Rafael Queiroz. Explique com cuidado j&aacute; que &eacute; consider&aacute;vel tomar cuidado com institu&iacute;das tarefas. O emprego de g&iacute;rias e de uma maneira de se expressar mais informal, como &quot;d&aacute; um talento especial na pintura deste forro&quot; s&atilde;o comuns e bem compreendidos pelas equipes.</p>

<p>Se estiver preocupado com um per&iacute;odo, vale combinar uma “caixinha” e pedir a realiza&ccedil;&atilde;o antecipada. Pequenas gratifica&ccedil;&otilde;es s&atilde;o bem-vindas entre os profissionais, todavia n&atilde;o exagere. O professor do Senai, Luiz Roberto Gasparetto, aconselha a contrata&ccedil;&atilde;o do profissional por valor &iacute;ntegro e parelho ao praticados por profissionais qualificados que atuam no mercado.</p>

<p>O arquiteto Fernando Potente, do escrit&oacute;rio FGMF, oferece uma dica sobre a contrata&ccedil;&atilde;o para reformas. “Infelizmente, no Brasil a m&atilde;o de obra da constru&ccedil;&atilde;o civil &eacute; muito pouco especializada. Mas, insista na procura por profissionais que tenham alguma especialidade”. Uma vez iniciada a obra, o morador deve fazer o m&aacute;ximo de visitas poss&iacute;vel e a todo o momento buscar avaliar se os diferentes profissionais est&atilde;o parelhos com o repercuss&atilde;o fim da obra. Mesmo caso exista um engenheiro ou arquiteto gerenciando o servi&ccedil;o, &eacute; recomend&aacute;vel verificar a obra uma vez por semana. &Eacute; comum que se fa&ccedil;a um contrato formal, contudo isso depende muito do tipo de profissional e dos valores envolvidos.</p>

<p>Se optarem pelo contrato, fregu&ecirc;s e profissionais necessitam afirmar prazos de realiza&ccedil;&atilde;o, datas de pagamentos (a todo o momento vinculadas &agrave; entrega de alguma etapa do trabalho), valores, defini&ccedil;&atilde;o do escopo, responsabilidades (como responder &agrave;s normas e executar com peculiaridade) e garantias. Quando se trata de pequenas reformas, &eacute; singular que se precise marcar qualquer tipo de contrato em cart&oacute;rio.</p>

<p>Por este caso, o mais f&aacute;cil &eacute; controlar os pagamentos de acordo com as etapas conclu&iacute;das do trabalho. O coordenador t&eacute;cnico da Institui&ccedil;&atilde;o Senai de Constru&ccedil;&atilde;o Civil, Luiz Roberto Gasparetto, aconselha iniciar um contrato de presta&ccedil;&atilde;o de servi&ccedil;o com identifica&ccedil;&atilde;o do prestador e tomador de servi&ccedil;os. “Procure esclarecer uma prote&ccedil;&atilde;o das duas partes envolvidas no neg&oacute;cio e quais s&atilde;o as responsabilidades de cada uma das partes, inclusive com rela&ccedil;&atilde;o &agrave; aquisi&ccedil;&atilde;o dos aparato, objetos e ferramentas a serem utilizadas ao longo da realiza&ccedil;&atilde;o do servi&ccedil;o”, diz.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License